Uma voz aconchegante, macia, tranquila...

Ficheiro:338857405 591460ac96.jpg
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:338857405_591460ac96.jpg





































Desafinado

João Gilberto

Composição : Tom Jobim e Newton Mendonça



Se você disser que eu desafino amor
Saiba que isso em mim provoca imensa dor
Só privilegiados têm ouvido igual ao seu
Eu possuo apenas o que Deus me deu

Se você insiste em classificar
Meu comportamento de anti-musical
Eu mesmo mentindo devo argumentar
Que isto é bossa-nova, isto é muito natural
O que você não sabe nem sequer pressente
É que os desafinados também têm um coração

Fotografei você na minha Roleiflex
Revelou-se a sua enorme ingratidão
Só não poderá falar assim do meu amor
Este é o maior que você pode encontrar

Você com sua música esqueceu o principal
Que no peito dos desafinados
No fundo do peito bate calado
Que no peito dos desafinados
Também bate um coração.


Nota: se quiserem ouvir no blog selecionei algumas musicas fins prestar minha singela homenagem ao João Gilberto Prado Pereira de Oliveira - Juazeiro, 10 de junho de 1931, músico brasileiro considerado o criador do ritmo bossa nova. Se ele estivesse vivo teria completado 80 anos de idade.


Fonte: Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Comentários

Nath Rocha disse…
Amo essa canção e na voz do João Gilberto então, é um encanto.

Beeijo*

Postagens mais visitadas